A Diretoria de Monitoramento, Avaliação e Controle da Secretaria da Controladoria-Geral do Estado (DMAC/SCGE) promoveu na manhã desta segunda-feira, dia 16, a 4a Reunião Técnica das Unidades de Controle Interno (UCIs) em 2019. Mais de 80 servidores públicos que atuam em órgãos e entidades do Poder Executivo Estadual estiveram presentes ao último encontro do ano realizado no auditório da Controladoria, no bairro do Espinheiro, no Recife.

Representando a secretária Érika Lacet, o secretário-executivo Caio Mulatinho deu as boas-vindas aos participantes e destacou a importância do trabalho dos membros das UCIs nas atividades de controle desenvolvidas junto à administração pública de Pernambuco. “Estou muito feliz em estar aqui hoje, trocando ideias, compartilhando conhecimento e interagindo com todos vocês. Essas experiências, com certeza, nos ajudarão a realizar com ainda mais êxito o grande desafio que é implementar essas UCI no Estado”, avaliou.

Seguindo a programação, Mulatinho proferiu palestra abordando o tema “Sistema de Controle Interno do Brasil: quo vadis?”. Em sua explanação, o secretário-executivo da SCGE enfatizou a construção do conceito de controle interno ao longo dos tempos, mostrando suas fases evolutivas, com ênfase nos processos e resultados. Ele também falou sobre as premissas para a atuação de um sistema de controle interno, que prevê, no futuro, a obrigatoriedade de certificação para os profissionais que desejarem atuar na área.

Depois da palestra inicial, a diretora da DMAC, Elisângela Lôbo, apresentou o balanço de 2019 e ressaltou, dentre outros pontos, que no período de janeiro até o dia 04 de dezembro, foram promovidos 250 atendimentos; 41 visitas técnicas; quatro macroprocessos mapeados; duas oficinas; um encontro de boas práticas; e 28 reuniões de monitoramento. Na ocasião, também foi apresentada a Cartilha de Controle Interno, que estará disponível no site da SCGE e abordará a importância das UCI e traz orientações de como implementá-la nas instituições.

Encerrando a 4a e última reunião técnica das UCIs, em 2019, Spencer Hartmann Júnior, doutor em neuropsiquiatria, proferiu palestra sobre “Felicidade, é possível?”. A reflexão foi seguida de confraternização entre os participantes e renovação do trabalho em parceria.

PARCERIAS – Para realizar o encontro, a DMAC contou com o apoio da Associação dos Servidores de Controle Interno de Pernambuco (Ascipe), da Companhia Editora de Pernambuco (Cepe) e do Conservatório Pernambucano de Música (CPM), que levou os instrumentistas José Carlos, no violino, e Maurício César, no teclado. A dupla recepcionou os convidados e tocou clássicos da música pernambucana.

Compartilhe: